PERFIL

Minha foto
A poesia é liberta, não tem senhores; é sozinha, ao mesmo tempo multidão. Seu canal é o poeta, por onde passa, arrastando veias, fígado, mãos, olhos, coração.

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

LANE CARDOSO EM MICARETA DE PASSA E FICA

PREFEITO DE PASSA E FICA, PEPEU LISBOA, DESRESPEITA A CANTORA NORTERIOGRANDENSE LANE CARDOSO NA MICARETA DA CIDADE.


"A cantora Lane Cardoso não vai poupar esforço para levar até o fim, na justiça, denúncia contra o prefeito de Passa e Fica, Pepeu Lisboa.
Contratada para cantar durante duas horas, na micareta promovida pela Prefeitura do município neste fim de semana, Lane começaria sua apresentação às 11 da noite.
Chegou antes disso e ficou no camarim à espera de entrar na avenida, o que só aconteceu uma hora depois do previsto.
Resultado: em vez de duas horas, Lane só cantou uma hora e meia.
O que fez o prefeito se achar no direito de ir ao camarim e travar um bate-boca com a cantora…
Com agressões verbais, bate-porta…
Lane promete começar a prestar as queixas a que tem direito agora à tarde."

Do blog: Estaria o Digníssimo Prefeito embriagado?

Fonte: http://www.thaisagalvao.com.br/

NIVALDETE FERREIRA EM POESIA


COMO É VOLTAR

a gente só volta quando volta
ou às vezes nunca foi embora
mesmo tendo se ausentado?

como é voltar?
basta re/aparecer?

eu estava aqui bem perto, sempre estive

apenas adormeci no barco
sou como os gatos.

http://lapisvirtual.blogspot.com/

ESQUINA DO CONTINENTE EM FOTOGRAFIA

http://grandeponto.blogspot.com/


Nesse último domingo, um grupo de alunos do "Curso de Fotografia" fez a Expedição Fotográfica Esquina do Continente, percorrendo o Cabo de São Roque (um dos pontos extremos do litoral brasileiro), passando pela Barra de Maxaranguape, praia de Maracajaú, praia de Caraúbas, usinas de energia éolica em Rio do Fogo, Farol do Calcanhar e a cidade de Touros.


Para aqueles que têm uma câmera na mão e são apaixonados por fotografia, a última chance (esse ano) para aprender a bater fotografia como um profissional, vai acontece no início de novembro.

Estão abertas as inscrições para o Curso de Fotografia Básica. O curso é indicado para todos aqueles que querem aprender a utilizar os recursos que sua câmera digital oferece, ao mesmo tempo aprender todas as técnicas e macetes para fazer uma foto profissional.

Não é necessário ter nenhum conhecimento prévio sobre fotografia, pois o curso abordará desde as noções básicas até as técnicas mais elaboradas. Nos dias de aula prática, a turma passará a manhã inteira fotografando os pontos turísticos e históricos de Natal, dando ênfase a técnica fotográfica aliada ao re-encontro com a cidade, dessa vez com um olhar diferenciado.

O Curso de Fotografia para iniciantes terá a duração de 06 sábados, com uma viagem final para uma expedição fotográfica em um domingo. O curso começará no dia 04 de novembro(sábado), das 8 às 10 da manhã e será ministrado pelo jornalista

A CASA DO BEM DANDO BONS EXEMPLOS

A CASA DO BEM DÁ EXEMPLO AO PODER PÚBLICO. NOSSOS PARABÉNS AO NOSSO AMIGO FLÁVIO REZENDE.



COM A PALAVRA "A CASA DO BEM".

A Casa do Bem vive o êxtase de estar sempre em movimento e, no bem que recebe, espalha o perfume da gratidão, tornando a vida de todos nós mais feliz e realizada.
É tempo de agradecer as doações financeiras do amigo do bem Hugo Rafael da Silva Lacerda de Melo e de tantos outros que tornam possível nossa existência. Lembramos que a Campanha Gente do Bem, que aceita depósito em nossa conta 26847-X - agência 1668-3 - Banco do Brasil continua sempre, agradecendo os que gostam da gente de vez por outra dar uma ajudinha e pedir o apoio dos amigos. É assim que vamos indo, como também através das doações de alimentos que repassamos, cestas básicas, roupas, calçados etc, que colocamos no Bazar do Bem e dos objetos que vão servindo para nossa sede social ou para os irmãos que são beneficiados com estes gestos de amor e de carinho.



Tempo de agradecer galera do Moviecom no Praia Shopping, que convidou Casa do Bem para curtir o filme "Na Era do Gelo", com a gente levando crianças da creche Galdino Bisneto, agradecer o Seturn que cedeu o ônibus para o Ma-Noa e para o filme, para o apoio de Caio Fernandes, Augusto Maranhão, Adriana Flor, nestas ações, Marília Lima, com tudo dando certo, além dos voluntários do bem que estão sempre cuidando para que tudo aconteça da melhor forma. Agradecemos ainda Petinha pela festa da mudança de corda dos capoeiristas do bem que teve apoio de Emanuelle Barreto, agardecer o Ma-Noa pelo maravilhoso passeio, Deca Bolonha e Seturn pelos ônibus cedidos, restaurante La Távola pelo precinho especial no restaurante terceirizado, a Aninha pelas entradas e carinho no parque, feliz, feliz, feliz.
Tempo de agradecer a Paulo Dias, o Palocha, por ter doado alimentos de um evento esportivo que fez, juntando a velha guarda em torno do basquete na AABB, de agradecer doações do Conselho Regional de Administração, alunos de Ciências Contábeis e Administração da UnP, Fatern com Monara Bittecount ajudando com alimentos e o time de futsal feminino, Kathia que nos doou um sofá, Vanusa que nos levou para apresentação na Receita Federal, divulgaremos em breve as fotos da apresentação da Mystery Companhia de Dança de Gleydson, que está pedindo ajuda para sua festa do Dia das Crianças sábado, quem puder ajudar perguntar a ele pelo e-mail glydson24@hotmail.com, agradecer a Júnior da Vt Seguros que conseguiu presentes para o Dia das Crianças da Escolinha de Futebol da Casa do Bem que ele coordena com tanto zelo, agradecer ainda um time grande que nos ajuda mensalmente como Joacir Santos, Cecy Oliveira, Patrícia Albuquerque, Benilton Lima, Nelio Wanderlei, Francisca Rego, Patrícia Karla, Dayse David, Maria Santos, Jorge Rezende, Lilian Rezende, Fernando Rezende, Magaly Cristina, Eduardo Augusto, Marcos Andrey, Rummenigge, Milton França, Mildred Medeiros, Anna Kathia, João Tavares, Simone Cerqueira, Andrea Rugai, Flávio Rezende e Diana Fátima entre outros como Apurn, Natal Cap, Consórcio Eldorado, Prefeitura da Cidade do Natal, Rede de Postos São Luiz, Shopping Cidade Jardim e Fernando Bezerra. Essa turma torna o sonho possível!



Estamos trabalhando agora para nosso Natal do Bem e show Diga Sim ao Bem, dia 18 de dezembro no Vila Hall do hotel Vila do Mar, os presentes para o Natal do Bem já estão sendo recolhidos nas lojas Baton com Bola ou na própria Casa do Bem.

Repasse nossos Boletins do Bem, seja parte da corrente do bem, luz e paz, CB
www.casadobem.org.br

ATRIZ TONY SILVA NO CORES E NOMES

A jornalista Margot Ferreira entrevistou a atriz mossoroense Tony Silva no programa Cores e Nomes, neste último sábado, 29.10.2011. Lindo programa.

LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA

LULA ENFRENTA MAIS UMA LUTA EM SUA VIDA, DESTA VEZ UM PROBLEMA DE SAÚDE, ALGO QUE TODOS NÓS, MORTAIS, PODEREMOS UM DIA ENFRENTAR. ELE VENCERÁ NOVAMENTE.



Com carreira política feita no estado de São Paulo, Lula é o único presidente do Brasil nascido em Pernambuco.

domingo, 30 de outubro de 2011

VAI OUTUBRO, VEM NOVEMBRO. QUASE 2012

Outubro tá indo embora. Novembro vai trazer dezembro de volta e o próximo ano é de política. Tomara Deus que o povo tenha aprendido. Tomara que o povo, esse mesmo povo saiba votar em 2012. Deus nos livre dos péssimos políticos. Amém.

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

******AGENDA DIVERSIFICADA *********







UMA PESTE ANDA SOLTA NO RESIDENCIAL ITAMARATY

PROTESTO DE MORADOR DO RESIDENCIAL ITAMARATY, NA AVENIDA AIRTON SENA.

Caros,
Não sei se todos viram ou souberam, mas houve um genocídio felino no Residencial Itamaraty, da noite do dia 26 para 27 de outubro de 2011. Algum "ser humano" colocou chumbinho em ração para gatos e distribuiu em alguns pontos do prédio. Alguns morreram e outros ainda não.
Venho por meio desta esclarecer que mesmo que você, autor desse crime, não goste de ver os gatos tomando sol ou passeando por aí, isso não te dá o direito de fazer isso. E mais, é crime previsto no artigo 32 "Praticar ato de abuso e maus-tratos à animais domésticos ou domesticados, silvestres, nativos ou exóticos", da Lei Federal de Crimes Ambientais 9.605/98. Casa haja recusa do delegado, cite o artigo 319 do Código Penas, que prevê crime de prevaricação; receber notícia de crime e recusar-se a cumpri-la".

FOI COM ESSA CRUELDADE QUE MATARAM MINHA GATA DENTRO DESSE CONDOMÍNIO. SOUBE QUE EXISTE UMA MORADORA NOVATA QUE ANDOU PROMETENDO DAR FIM NOS GATOS. SERIA BOM UMA INVESTIGAÇÃO POLICIAL.

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

MOSSOROLIZAÇÃO COMO VOVÓ JÁ DIZIA

O jornalista, consultor político e professor titular da Universidade de São Paulo (USP), Gaudêncio Torquato, fez uma análise sobre o novo cenário político do Rio Grande do Norte após o rompimento do vice-governador Robinson Faria (PSD). Potiguar, ele acompanha de longe, porém com assiduidade e precisão, a cena política do Rio Grande do Norte. Gaudêncio Torquato avaliou que a decisão da governadora de nomear para o núcleo central do Governo auxiliares advindos da época em que era Prefeita de Mossoró, pode gerar uma "mossorolização do Estado e causar certa indignação por parte dos natalenses". "Se ela centrar seu governo muito em cima da assessoria que vem desde a época de prefeita vai ser daqui a pouco carimbada como o estado central de Mossoró", destacou.




Sobre o rompimento com o vice-governador, Torquato assinalou que o Estado ganha, pelo menos do ponto de vista estratégico, com o fortalecimento de uma base oposicionista, segundo ele, praticamente inexistente até então. "Víamos um bloco mais ou menos homogêneo em torno da governadora e agora se forma um grupo na oposição que com vistas no futuro está mais forte", destacou ele.

O peso da nova oposição, de acordo com o professor, não está na força da ex-governadora Wilma de Faria e sim em torno do vice-governador Robinson Faria. Ele acredita que diante dos fatos revelados nos últimos dias pelos protagonistas da política potiguar, em médio e longo prazos se tenha condição para o fortalecimento de uma base oposicionista para o Governo. "Evidentemente que Robinson, com seu perfil mais jovem, tem condições sem dúvida de ganhar densidade no quadro estadual, vez que já foi presidente da Assembleia por três vezes e tem o apoio de um grupo de deputados e prefeitos, que ainda o acompanham", enfatizou.

A forma como se deu o rompimento do vice-governador com o sistema comandado por Rosalba Ciarlini, segundo Torquato, é mais um ponto em favor de Robinson Faria. Isso porque, explicou ele, a suposta humilhação sofrida, quando da negativa em renomeá-lo para a Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, dá ao caso um ingrediente emotiva muito forte no processo. "Emocionalmente pode ter um plus. Eu acho que isso contribui para acirrar ainda mais os ânimos", complementou o professor da Usp.

Gaudêncio Torquato assinalou ainda que o vice-governador pertence a um partido considerado o "pêndulo" do cenário federal, uma vez que nasceu como partido independente. "Eu vejo o PSD como balança do Governo Federal e ninguém pode dispensar uma força dessas", destacou o professor. Ele disse que apesar dos indícios apontados, o quadro político futuro é imprevisível, sobretudo porque em política não se pode precisar cenários com tanta antecedência. Vai depender, atestou ele, de como anda a economia e de como a população analisará o atual governo. " Quem manda na política hoje é o bolso. O cidadão sente primeiro o bolso que alimenta o estômago. Se em 2014 a governadora Rosalba estiver muito bem, parabéns, ela vai ser reeleita. Se estiver capenga e não tiver conseguido cumprir as promessas de campanha sobrará para ela a derrota e quem está na oposição vai ganhar com isso", finalizou o professor.

Fonte:http://tribunadonorte.com.br/noticia/rosalba-ciarlini-reage-de-forma-indireta-as-criticas/200717

terça-feira, 25 de outubro de 2011

ROCK IN RIO 2011 NA LEI ROUANET

Contrariando recomendações do Tribunal de Contas da União (TCU) de descentralizar e democratizar projetos culturais, o Ministério da Cultura autorizou a destinação de R$ 12,3 milhões para a produção do Rock in Rio Brasil 2011, o maior e um dos mais rentáveis festivais de música da América Latina. A captação, via Lei Rouanet, feriu pareceres da própria pasta, que contestaram o volume de recursos públicos destinado a um projeto lucrativo e cobraram maior contrapartida dos produtores. Após a aprovação da renúncia fiscal, funcionários ligados ao convênio e autoridades do ministério ainda ganharam passe livre para o festival, realizado entre 23 de setembro e 2 de outubro.



A “caravana” do Ministério da Cultura contou com o aval e a presença do secretário de Fomento e Incentivo à Cultura, Henilton Parente de Menezes. Servidores que ocupam cargos comissionados postaram fotos da viagem nas redes sociais. O Código de Ética da Administração Federal estabelece limite de R$ 100 para presentes. O ingresso mais barato do Rock in Rio custava R$ 190 na bilheteria.

Leia mais em http://www.substantivoplural.com.br/rock-in-rio-recebe-irregularmente-verba-milionaria-da-lei-rouanet/#more-36483

OS CONTRASTES NO PAÍS DE MOSSORÓ


Estive em Mossoró recentemente e constatei que a cidade está bonita, bem asfaltada, com aspecto de bem organizada. Falo da entrada da cidade, na BR que liga Natal/Mossoró até o Teatro Dix-Huit Rosado, onde estive vendo Pluft, o Fantasminha, de Clara Machado, com a Companhia Manacá de Teatro.
Até aí, tudo bem. Como residí durante alguns anos da minha pré-adolescência no Conjunto Walfredo Gurgel, mais conhecido como a cohab, resolvi dar uma caminhada pelo bairro para verificar meu passado. Fiquei triste. O bairro está em total abandono.

O bairro Walfredo Gurgel foi o primeiro conjunto residencial de Mossoró e foi entregue à população no início da década de setenta/final da década de sessenta. Lá, tínhamos o Centro Social Urbano - CSU, com amplo espaço onde aconteciam as memoráveis Colônias de Férias. Foi no CSU que iniciei meus primeiros passos no mundo da arte, quando participei de uma peça de teatro e formei junto com dois amigos um trio de dublagem bastante amador.
Encontrei o bairro detonado, sem nenhuma iluminação, com calçamento de dar dó, as casas envelhecidas e o antigo CSU em estado de miséria.

Fiquei pensando: esta é a Mossoró da Gente?

Como estará, então, o Alto da Conceição, bairro da minha infância?



Alô Fafá Rosado, Betinho Rosado, Larissa Rosado, Sandra Rosado, Rosalba Rosado...

Onde andam vocês?

PAULO JORGE DUMARESQ E O TEATRO

No ano em que completa duas décadas de militância na literatura dramática, o dramaturgo e jornalista Paulo Jorge Dumaresq lançou no último dia 18 de outubro, o livro Repouso do Adônis – Bocas que murmuram, pela Coleção Cultura Potiguar, selo da Secretaria Extraordinária de Cultura do RN e Fundação José Augusto (Secultrn/FJA).


Editado pela Gráfica Manimbu, o livro apresenta as primeiras peças de Paulo Jorge Dumaresq escritas na década de 1990, quais sejam a comédia nordestina Repouso do Adônis (1991) e a tragicomédia Bocas que murmuram (1992), ambientada numa redação de jornal. Repouso do Adônis, por exemplo, já foi montada em várias cidades brasileiras e portuguesas, destacando-se a montagem na Ilha dos Açores.

A comédia Repouso do Adônis (1991) é ambientada em bordel decadente de cidade de pequeno porte no interior do Estado do Rio Grande do Norte. Aborda a questão do poder e de seus desdobramentos no universo sociocultural do Nordeste. A secular relação opressor/oprimido é apresentada como modelo fidedigno da cultura da região desde a sua fase de colonização.
O enredo tem início quando o Delegado Antão, ao saber que Dona Violeta, proprietária do Repouso do Adônis, hospeda sobrinha no cabaré, passa a chantagear a cafetina no intuito de possuir a adolescente Glorinha. Por seu turno, Violeta faz acordo com o boêmio e desocupado Sevé para desmascarar o Delegado.

Repouso do Adônis é a primeira peça do dramaturgo Paulo Jorge Dumaresq. Neste ano da graça de 2011 completa 20 anos de escrita. Mas só 12 anos depois de elaborada, a comédia teve a sua primeira encenação. Estreou em 10 de dezembro de 2003, em Ilhéus (BA), numa montagem do Grupo de Teatro Do Pranto ao Riso, com direção de Paulo Costa. A montagem ilheense despertou o interesse de diversos grupos e companhias teatrais do país, pois, a partir daquela data, a peça não parou mais de ser encenada no Brasil e em Portugal.

Merecem destaque, também, as montagens de Lucas do Rio Verde (MT), Gurupi (TO), Santarém, Freguesia de Medas (Concelho de Gondomar, Portugal), Lajes do Pico (Açores, Portugal), Barra Bonita (SP), Pirapozinho (SP), Colombo (PR), Curitiba, São Paulo, Sorocaba, Fortaleza, Freguesia de A-dos-Negros (Concelho de Óbidos, Portugal), Mogi das Cruzes e Caxias do Sul.

BOCAS QUE NÃO QUEREM CALAR



Bocas que murmuram é uma tragicomédia ambientada na redação do Diário Incomunicante, edificado em cidade de médio porte na região Nordeste. A peça estabelece contraponto entre dois jornalistas de ideologias distintas. No caso, Alexandre, de formação direitista, e Vladimir, um esquerdista atuante. No decorrer da trama, os jornalistas ora afirmam suas posições, ora se contradizem, num jogo psicológico que inclui ainda o Editor do jornal e o deputado Chip Baccarat.

Questões relevantes para a classe jornalística, tais como ética, liberdade de imprensa e remuneração salarial são abordadas de forma contundente pelos dois profissionais. A intenção de Bocas que murmuram é questionar, à luz do teatro, o problema da manipulação da informação, prática comum na imprensa mundial, independentemente de regime ou ideologia política. Em outras palavras, alertar aos que desejam uma imprensa livre sobre as armadilhas do poder econômico e político, preocupado apenas em fazer valer seus intentos.

Esta tragicomédia estreou no Teatro Municipal Sandoval Wanderley, em Natal, na primavera de 1993, numa montagem da Cia. de Repertório Do Riso ao Pranto. A direção ficou aos cuidados de Paulo Jorge Dumaresq. No elenco, os atores Marcos de Hollanda (Alexandre), Concita Alves (Vladimir, Editora), Paulo Jorge Dumaresq (Chip Baccarat) e Edinho Azevedo (Office Boy, Jornaleiro). Por culpa de uma proposta de dramaturgia engajada, a peça recebeu também montagem em Curitiba, Jandira (SP), Andaraí (BA), Juazeiro da Bahia, Içara (SC) e Palmeira dos Índios (AL).

Fonte: http://narizdedefunto.blogspot.com/2011/10/dramaturgo-paulo-jorge-dumaresq-lanca.html

VICE-GOVERNADOR DO RN ABRE O JOGO


O vice-governador Robinson Faria (PSD) afirmou que vai trabalhar para fortalecer a oposição ao governo de Rosalba Ciarlini (DEM). Robinson Faria, que anunciou na última sexta-feira o rompimento com a atual administração estadual, disse que estará ao lado de outras lideranças de partidos oposicionistas, como o PT, PDT e PSB. Robinson destacou - durante entrevista à rádio 98 FM - que tirou "um peso da cabeça" ao deixar o Governo. Agora, o objetivo é discutir alianças para 2012 com dirigentes de legendas da oposição, como o ex-prefeito Carlos Eduardo (PDT), a deputada Fátima Bezerra (PT) e a ex-governadora Wilma de Faria (PSB).

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

JOVEM AGUARDOU O SAMU POR MAIS DE 2 HORAS

PREOCUPANTE, TRISTE E DE EXTREMA FALTA DE HUMANIDADE.

Hoje, 24.10.2011, pela manhã, na Avenida Deodoro, próximo ao Nordestão, um jovem motoqueiro permaneceu por mais de duas horas estirado no asfalto quente aguardando uma ambulância do SAMU.
Com fratura exposta, o jovem agonizou sob o sol quente da cidade dos Reis Magos.

O QUE É O SAMU?

O Ministério da Saúde, através da Portaria nº 1864/GM , em setembro de 2003, iniciou a implantação do componente móvel de urgência com a criação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, SAMU-192.




O SAMU - Serviço de Atendimento Móvel de Urgência é um serviço de saúde, desenvolvido pelas Secretarias de Estado da Saúde, em parceria com o Ministério da Saúde e as Secretarias Municipais de Saúde dos Estados do Brasil, organizadas macrorregionalmente.

É responsável pelo componente Regulação dos Atendimentos de Urgência, pelo Atendimento Móvel de Urgência da Região e pelas transferências de pacientes graves da região.

Faz parte do sistema regionalizado e hierarquizado, capaz de atender, dentro da região de abrangência, todo enfermo, ferido ou parturiente em situação de urgência ou emergência, e transportá-nos com segurança e acompanhamento de profissionais da saúde até o nível hospitalar do sistema.

Além disto intermedia, através da central de regulação médica das urgências, as transferências inter-hospitalares de pacientes graves, promovendo a ativação das equipes apropriadas e a transferência do paciente.

A MARQUESA DE FÁTIMO IRÁ PARTIR EM BREVE

UMA CIDADE PARA O RIO POTENGI


Em 1597 os portugueses chegaram à região para colonizar as terras e construir uma cidade na foz do Rio Potengi e encontraram grande resistência de franceses e seus aliados, os índios potiguares. Assim, liderados pelo Capitão-Mor Manuel Mascarenhas Homem - de Pernambuco, organizaram uma grande ofensiva e em 25 de Dezembro do mesmo ano conseguiram avançar até o local desejado, expulsando os franceses.

Para se defender dos índios, que continuavam atacando, começaram em 6 de Janeiro de 1598 a construção, inicialmente de madeira, da Fortaleza dos Reis Magos, que só foi concluída, como é atualmente, em 1698. Hoje esta fortaleza é considerada o berço da civilização potiguar e o mais importante monumento histórico da cidade.

Em 1633 a fortaleza foi tomada e ocupada pelos holandeses, passando a se chamar de Castelo Keulen, a cidade ficando com o nome de Nova Amsterdã. A fortaleza e, consequentemente, a cidade, foram retomadas pelos portugueses definitivamente em 1654, voltando a ter os nomes originais.


Os documentos históricos que poderiam atestar a fundação da Cidade do Natal foram destruídos durante o período de ocupação dos holandeses, mas a versão hoje mais aceita é a de que, feitas as pazes com os índios, Jerônimo de Albuquerque, fundou em 25 de Dezembro de 1599, meia légua acima da fortaleza, o que passaria a se chamar de Cidade do Natal (em homenagem à data). Esta data é aceita como praticamente certa, pois foi neste dia que foram inauguradas a igreja matriz e o pelourinho da cidade.

Já no século XX, Natal teve grande importância estratégica pela sua posição geográfica na esquina do Brasil e ponto mais próximo da África e da Europa, no movimento republicano, na Revolução de 1930 e, principalmente, durante a 2ª Guerra Mundial, a partir de 1942, quando os americanos instalaram uma base naval em Natal e uma base aérea em Parnamirim (vizinho a Natal), o que fez com que a sua população de aproximadamente 55 mil habitantes quase dobrasse e que os moradores locais assumissem diversos costumes norte-americanos.

Em 23 de Novembro de 1935, Natal também foi palco de uma experiência singular no Brasil: a instalação de um governo comunista. Um “Comitê Popular Revolucionário” se fixou, praticamente sem luta, na residência do governador (na época a Vila Potiguar), publicou o jornal “A Liberdade” e dirigiu manifesto ao povo. Ao final de 4 dias, quando recebeu notícias de que a resistência estava vindo de Recife e da Paraíba, o dito comitê retirou-se estrategicamente.

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

JÁ ESTOU COM SAUDADES, MEU AMOR

Já não existe sobre a terra essa coisa linda que protagonizou alguns dos melhores momentos de minha vida. Miluka está no céu.

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

VOCÊ TEM TÍTULO DE CIDADÃO NATALENSE?

O comentarista esportivo Milton Neves receberá o título de cidadão natalense, assim como os representantes do axé baiano, proposto pelo vereador Edvan Martins. Eu gostaria de entender qual o parâmetro usado para tanto. Eu, que sou norteriograndense, da terra de enfrentou Lampião, Maria Bonita e seu bando, estou aqui na terra cantada por Pedro Mendes como a terra de um Deus-Mar desde 1980 nunca recebí esse título. Ah! eu gostaria de um, mas que fosse merecidamente.
Se Claudinha Leite e Netinho (da Bahia do Tchan) são cidadãos natalenses. Eu devo ser alguma coisa. Haja falta do que fazer.

O PEQUENO BOB MARLON NA TV



Nosso talento potiguar.

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

13 DE OUTUBRO DE 1961 - 50 ANOS DEPOIS

13 DE OUTUBRO DE 2011: MEU ANIVERSÁRIO



"Dar a outra face é um símbolo de maturidade e força interior. Não se refere à face física, mas à psíquica. Dar a outra face é procurar fazer o bem para quem nos decepciona, é ter elegância para elogiar quem nos difama, altruísmo para ser gentil com quem nos aborrece. É sair silenciosamente e sem estardalhaço da linha de fogo dos que nos agridem. Dar a outra face previne homicídios, traumas, cicatrizes impagáveis. Os fracos se vingam, os fortes se protegem."



Livro O vendedor de sonhos.
Augusto Jorge Cury (1958), psiquiatra e escritor brasileiro.

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

O BLOG ESTÁ AUSENTE

Retornarei na proxima semana, quando já estarei com 50 anos. O tempo tá passando. Nem eu acredito!!!

terça-feira, 4 de outubro de 2011

CONSELHO MUNICIPAL DE CULTURA TOMA POSSE

Os dez membros titulares do Conselho Municipal de Cultura e seus respectivos suplentes foram empossados nesta terça-feira, 4, no auditório da Procuradoria Geral do Município (PGM), pela prefeita Micarla de Sousa, para exercer mandato de um ano. Considerado um órgão independente da Prefeitura, o Conselho é formado por cinco membros da sociedade civil (classe artística), cinco do Poder Executivo e pelo presidente da Fundação Cultural Capitania das Artes, considerado membro nato.

Na ocasião, a prefeita Micarla de Sousa parabenizou os conselheiros empossados e disse que a cultura deve ser determinada pela classe artística e apoiada pelo governo. Conforme a prefeita, o Conselho tem a missão de analisar e acompanhar projetos, como também de criar novas situações que possam gerar novos projetos. “Nossa gestão teve a coragem de fazer valer o Fundo Municipal de Cultura destinando o valor de R$ 400 mil. Sei que não é o suficiente, mas vamos avançar mais no próximo ano”, garantiu a chefe do executivo municipal.

O Conselho Municipal de Cultura é responsável, basicamente, por orientar o planejamento de políticas públicas para o setor cultural, administrar os recursos do Fundo de Incentivo à Cultura (FIC) e deliberar sobre tombamento de bens. A prefeita Micarla de Sousa também assinou dois projetos de lei que serão enviados à Câmara Municipal de Natal (CMN). Os projetos tratam do Patrimônio Imaterial de Natal e do Patrimônio Vivo da cidade. O objetivo da lei sobre o Patrimônio Imaterial é registrar aquilo que não existe fisicamente, como, por exemplo, costumes, manifestações religiosas, símbolos, entre outros. Para fins deste registro, considera-se patrimônio cultural imaterial os saberes, as celebrações, as formas de expressão, os lugares e os símbolos.

No entendimento do presidente da Fundação Cultural Capitania das Artes, Roberto Lima, a posse do Conselho e a assinatura das mensagens dos projetos de lei representam um dia luminoso para Natal. Para Roberto Lima, o município caminha para aderir ao Sistema Nacional de Cultura, com a implantação do Sistema Municipal de Cultura e do Fundo Municipal de Cultura, estabelecendo uma política cultural a longo prazo. “O nosso compromisso é com o meio ambiente, a diversidade cultural, a arte popular e a implantação do Patrimônio Imaterial e do Patrimônio Vivo. Natal já perdeu muito tempo. A nossa cidade sempre foi vanguardista”, lembrou Roberto Lima.

Falando pelos empossados, o conselheiro Francisco Alves observou que os membros assumem uma cadeira no Conselho com muita responsabilidade. Ele assinalou que o conceito de cultura é muito abrangente e exige a compreensão da arte como um todo: “Assumimos o Conselho como fazedores de cultura e militantes da cultura e estamos aqui para colaborar com a gestão”.

Pela classe artística, tomaram posse como titulares Tatiane Fernandes, Josean Rodrigues, Odinelha Targino, Manoel Wilson de Souza e Francisco Alves. Já os representantes da administração municipal são Marcílio Amorim, Jorge Santos, Eduardo Pinto, João Paulo Kikumoto e Costa Filho, como titulares, e Diogo de Amorim Quintaneiro, Kaleb Silva de Melo, Tânia Maria Andrade, Vatenor de Oliveira e José Augusto da Costa Júnior, suplentes.

sábado, 1 de outubro de 2011